Whatsapp 11-9 8900-8063
Algumas pessoas têm estranhado, quando faço Projeto Feng Shui à distância (on line), que além da planta-baixa do imóvel, eu peço fotos e envio alguns tópicos para serem assinalados, respondidos, para no mínimo serem observados pelos moradores do imóvel.
É surpreendente, mas muita gente não observa o que tem às voltas da sua moradia. Outro dia, alguém me respondeu que tem uma antena de telefonia celular na direção da janela do dormitório, mas me jurou que não tinha reparado antes. “Acho que ela não estava ali”…”será que colocaram ontem?”. Rimos as duas, mas o assunto é sério, muito sério.
 jatai
No ano passado fiz uma postagem sobre a minha “vizinhança” – eu mesma tenho uma rede de transmissão elétrica que passa perto do meu prédio. São várias torres, muito próximas das moradias, dos estabelecimentos e evidentemente isso traz consequências sérias para a saúde em toda a sua abrangência, sobretudo na parte emocional,qualidade do sono, sistema linfático, até mesmo alguns tipos de câncer e outras enfermidades,  embora as companhias de energia neguem veementemente, mas há estudos sobre o assunto, envolvendo radiestesistas (cientistas) do mundo todo.
Obviamente eu tenho as minhas proteções, moro num local que eu gosto bastante e não mudaria daqui por conta disso, mas sou uma eterna vigilante.
Aqui no meu bairro tem uma rua com prédios muito bacanas que são seriamente afetados pelas torres, por conta da proximidade. Há algumas semanas houve uma tragédia num desses prédios, envolvendo uma mãe, o filho e a namorada. Fico aqui pensando com os meus botões, até que ponto a contaminação eletromagnética pode afetar o comportamento das pessoas. E o pouco comércio que existe nessa rua em geral é muito instável – comum o abre-fecha e o “passa-se o ponto”…(Nessa animação estão fotos da vizinhança – o bom e o ruim)

E o  que ainda nos protege além das curas do Feng Shui e da Radiestesia?
A Mãe Natureza! Árvores, jardins…a mesma rua que mencionei, tão prejudicada pela toxidade da radiação eletromagnética, tem goiabeiras, nespereiras e romanzeiros, além das conhecidas árvores urbanas. Pena que as construções estão no meio, entre elas e a rede de transmissão.

Mas há uma outra rua bem pertinho, onde os moradores cultivam hortas e parreiras nas calçadas e tem caquizeiro, muitas goiabeiras, jaqueira, limoeiro, pés de laranja e mexerica e o conjunto é um verdadeiro deleite para os olhos.
É a lei da compensação.
E você, como é o seu bairro, o seu entorno? O que lhe traz contentamento ou tristeza e está ali, bem pertinho de você?

 

Leia o post anterior:
COMO ABENÇOAR E RENOVAR A ENERGIA DA CASA

Hoje recebi vários e-mails de leitores, principalmente do "Vida Organizada", muito interessados na harmonização de seus lares e as questões...

Fechar